20.12.13

Fotos Quindim do Quintana

 O Quindim do Quintana é um tablado redondo de cor amarela, que serve de palco para apresentações cênicas, produzido em 2011, especialmente para as comemorações dos cento e cinco anos do poeta e jornalista Mario Quintana. O projeto tem esse nome porque o quindim era o doce  predileto de Quintana, cotidianamente consumido com café sem açúcar na lanchonete do jornal Correio do Povo, esse  gostoso hábito era um dos pontos fracos do jornalista.
Em homenagem  ao nosso querido poeta, o tablado trás artistas locais quinzenalmente, sempre às quintas-feiras, às 12h30, na Casa de Cultura Mario Quintana. Os artistas e bandas  são previamente selecionadas pelo Instituto Estadual de Música (IEM), e mais de 60 deles já se apresentaram no espaço cultural  desde o começo do projeto,  e, é sempre um sucesso de público. Confira algumas fotos de artistas que participaram nesse  finalzinho de semestre.
Banda Suco Elétrico
  Bando Antiguera 
Mimico
  Margarina Bailarina, Mauro Pogorelsky (produtor), Daniel Hennemann (violão)
 
 

28.11.13

Floricultura Winge

 A Floricultura Winge é a maior Garden Center de Porto Alegre. Situada num espaço totalmente diferenciado com mais de 30.000m², bem no coração da zona sul, precisamente na Dr.Mário Totta, 963, bairro Tristeza. A Winge é aquele tipo de floricultura que entramos e não temos pressa de ir embora, tudo é lindo, charmoso e aconchegante. A atmosfera do lugar é magnífica. Muitas flores diferentes, fontes, borboletas, pássaros e aquele cheirinho de mato no ar. Ótimo para alma e para renovar as energias. 
 
 Para quem não conhece a Winge, vale muito uma visita.  Lá,também, encontramos tudo que precisamos para nossa casa ou jardim; arranjos variados, arbustos, árvores frutíferas, ferramentas, insumos, moveis e decorações.
Adorei os momentos que passei na Winge, além de estar entre amigos, tive a chance de estar em meio à natureza e registrar belíssimas imagens.  Aqui no blog, postei algumas fotos para dar uma ideia de tudo que a floricultura Winge oferece aos nossos olhos todos os dias.








   



 
 
 
 


 
 
 

8.11.13

Novo CD dos Subtropicais - Produto da Modernidade

Subtropicais é um bando de músicos inquietos e curiosos. Cinco cabeças que falam de tudo e catam o suor e o sangue, a paz e a guerra. Uma banda batizada sob o frenético toque de tambores, cheia de grooves e insinuações rítmicas, mas também capaz de viajar por climas psicodélicos, distorcidos ou suaves. Um quinteto de rock, que toca samba, bossa nova e música latina, pois pra eles tudo isso é rock.
Partindo desse princípio que tudo é som, palavra e ritmo, os Subtropicais apresentam seu novo CD - Produto da Modernidade - com 14 músicas, que  vão do hard rock ao samba-jazz, propondo um quebra-cabeça que extrapola o universo do Rock Gaúcho.
O repertório do álbum traz canções de black music, como a faixa título e o funk-baião Oliveira, com ecos do mangue beat pernambucano. Os ritmos regionais aparecem na milonga A Cruz dos Anos e no xote psicodélico Esfinge, enquanto temas mais introspectivos como Deixa Cair, Samba Triste e  O Que Esperar? - se misturam a canções mais suaves, como a balada Quando o Frio Chegou ou a otimista Venha O Que Vier. Outras músicas do CD apresentam um lado mais pesado, onde os riffs de guitarra e a força da bateria, baixo e percussão se sobressaem no arranjo, como nas faixas Terra à Vista e Aconteceu. Além das canções mencionadas, tem ainda o rock O Espantalho, que é atravessado por um refrão de samba a moda dos antigos carnavais. Finalizando com dois temas instrumentais: Soneca, que flerta com a bossa nova; e o reggae/dub Da Guiné. As composições são de Alexandre Marques, com produção de Mauro Pogorelsky. As gravações tiveram a participação de músicos gaúchos como Fernando do Ó, Mateus Mapa, Leonardo Boff, Yanto Laitano, Alexandre Kumpinski, Lucas Ricordi, Lucio Vassarath, entre outros. O projeto gráfico do álbum é de Marco Boni e as fotos de Daniel Zart.

 Ficha técnica:
Alexandre Marques: violão, guitarra e vocais.

João Ortácio: guitarra  e vocais.

Leonardo Brawl: contrabaixo.
Marcelo Brack: percussão e vocais
Diego Velasco: bateria
 
Links:
 
Fotos do show de lançamento do CD dos Subtropicais - Produto da Modernidade no Teatro Bruno Kiefer, sexta, 01 de novembro. 
 

 
 
 
 
 


 
 
 

 



 

23.10.13

Mundial de Atletismo Master

O XX Campeonato Mundial de Atletismo Master, que acontece no CETE (Centro Estadual de Treinamento Esportivo) trouxe mais de 4 mil esportistas de 82 países à capital e termina no próximo domingo, com histórias de superação como a do Argentino  de 99 anos, José Lorenzo Escobar, o mais velho entre os atletas que disputam o Mundial.
A corrida surgiu como terapia na vida do seu José para superar a depressão provocada pelo falecimento de sua  filha. A decisão  de praticar um esporte foi bem aceita pela família que o apoiou para a disputa do campeonato de Mar del Plata. Em 2010,conquistou o Sul-Americano na sua categoria, no Chile, e é tricampeão nacional. O inquieto argentino de 99 anos, cultiva cenouras e pimentas em casa, adora ir ao mercado comprar carne e verduras para cozinhar para seus  dois netos. Mas é a corrida que o deixa plenamente feliz. 

 
 
 
 
 
 

9.10.13

Aniversário do Francisco!!

A turma  da galinha pintadinha apareceu em bando no aniversário do Chiquinho! Foram lá para comemorar com o Francisco, a dona baratinha, o seu galinho carijó, a borboletinha e o pintinho amarelinho que é pequeno como o Chiquinho. Que maravilha, todos os bichinhos do mundo encantado do Francisco estavam presentes na festinha de um aninho. Eu sei que o Francisco amooouuu!!  Curtiu o tempo todo, aproveitou todos os momentos do seu aniversário ao lado de seus pais e familiares. Não teve cara feia, nem choro, era só animação. O Francisco é um garotinho muito dócil e brincalhão, não estranha ninguém. Adora apontar o dedinho e chamar atenção, ele é muito, muito fofo!! Seja muito feliz Francisco! 
 

 



 


 

Fotos Peppo Cusine